João Cabral de Melo Neto

João Cabral de Melo Neto

João Cabral de Melo Neto nasceu em Recife, em 09 de janeiro de 1920. Publicou seu primeiro livro "Pedra do Sono" em 1944.

Tornou-se diplomata, tendo viajado por diversos países e servido em Barcelona, Londres, Sevilha, Marselha, dentre outras.

Conviveu com grandes escritores de seu tempo, era primo de Manuel Bandeira e Gilberto Freyre.

Em 1968 foi eleito por unanimidade para a Academia Brasileira de Letras, na vaga de Assis Chateaubriand e cujo patrono é Tomaz Antônio Gonzaga.

Era casado com a ensaista Marly de Oliveira e tinha cinco filhos.

Dentre seus livros destacam-se Morte e Vida Severina, O Cão sem Plumas, O Rio, Museu de Tudo, além de Poesias Completas.

Livros do autor